De volta à terra da garoa

Pela oitava vez na vida eu mudei de cidade. E pela segunda vez para São Paulo. Já estou me acostumando com as fases de transição que uma mudança de cidade demanda. Mais uma vez estou sem meus materiais de desenho e tenho que me virar com algumas canetas Pitt (Faber Castell) e um caderno de rascunhos que comprei por aqui.

No feriado de carnaval devo voltar à minha antiga cidade e trazer meus materiais de desenho para cá. Aí voltarei a atualizar o blog com desenhos de verdade e não apenas rascunhos.

2 respostas para “De volta à terra da garoa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *